Injeção Eletrônica: Saiba tudo sobre os Sensores de Fluxo de Ar – Parte 1

sf10Geralmente aplicados em motores dotados de sistema de injeção mais sofisticado, os sensores Medidores de Fluxo são presença constante nas oficinas particulares, principalmente aquelas que trabalham com veículos importados ou diferenciados.

Existem dois tipos de sensores medidores de fluxo:

  1. Medidor de Fluxo de ar – Volumétrico/Vazão;
  2. Medidor do Fluxo da Massa de ar.

O cálculo da quantidade de combustível a ser injetado é diferente para ambos os sensores, o medidor volumétrico é utilizado para o método Fluxo de ar – Leitura Direta, já o medidor do fluxo da massa de ar é utilizado quando o método de cálculo é Massa de ar – Leitura Direta.

Medidor de Fluxo de Ar – Vazão:

Devem ser manuseados com cuidado, pois são sensores muito precisos e sensíveis a qualquer variação. Atualmente existem dois tipos de sensores de fluxo de ar por vazão:

  1. Potenciômetro;
  2. Karman Vortex.

Sensor de Fluxo Volumétrico – Ponteciômetro:

sf11Localizado entre o filtro de ar e a borboleta de aceleração, trata-se de um sensor que calcula o volume de ar a partir do deslocamento de uma palheta a qual compartilha seu eixo com o cursor do potenciômetro.

Composto por:

  1. Palhetas(medição e amortecedora.);
  2. Potenciômetro;
  3. Mola de Retorno;
  4. Parafuso de Ajuste da Marcha-Lenta;
  5. By-Pass;
  6. Sensor de Temperatura do Ar Admitido.

Funcionamento:

sf12Quando o motor está em funcionamento, o ar ao passar pelo sensor movimenta a palheta que irá permitir a passagem de um certo volume de ar, ligada a palheta existe outra palheta, chamada de palheta amortecedora. Chamemos então de Palheta de Medição a palheta que se opõe a passagem de ar. Diferente da palheta de medição, a palheta amortecedora fica em uma câmara, sua função é evitar que a palheta de medição mova-se muito rápido ou que ela vibre, o que pode gerar sinais incorretos.|
O fluxo de ar sobre a palheta de medição força esta a mover-se, comum a ela, um cursor se desloca sobre a pista resistiva do potenciômetro. Esse deslocamento altera a resistência do potenciômetro, e por sua vez a tensão de saída para a ECU. O sinal do sensor é proporcional ao volume de ar admitido. O retorno da palheta de medição a sua posição inicial é garantido por uma mola de retorno ligada ao eixo da palheta. Durante a marcha-lenta o fluxo de ar não é forte o suficiente para movimentar a palheta de medição, por isso há um By-Pass(Desvio) para que uma quantidade suficiente de ar para a marcha-lenta seja obtida. O By-Pass já vem regulado de fábrica, estando o seu parafuso lacrado.

Calculo da ECU:

Para que a ECU chegue determine a quantidade de combustível a ser injetada, ela precisa saber a massa de ar que entra no motor. Como o sensor informa o volume, a ECU necessita de mais uma variável, a densidade do ar. A densidade do ar varia de acordo com a temperatura e pressão no coletor, por isso juntamente com o sensor de fluxo volumétrico está acoplado um sensor de temperatura do ar admitido(Como no sensor MAP.), a ECU então calcula a densidade do ar e realiza a multiplicação dos valores de fluxo volumétrico e densidade, e obtém a Massa de Ar Admitida pelo motor, sabendo então a quantidade de combustível ideal. O sinal do sensor de fluxo volumétrico é utilizado também para determinar o avanço de ignição.

Sensor de Fluxo Volumétrico – Karman Vortex:

sf13Há poucos exemplos de sistema com esse sensor no Brasil, porém sua diferença para o sensor de fluxo tipo potenciômetro está apenas no princípio de funcionamento.

Composto por:

  • Gerador de Vórtice;
  • Espelho;
  • LED e Photo Transistor.

Funcionamento:

O fluxo de ar no coletor de admissão passa por um Gerador de Vórtices, o gerador perturba o fluxo criando um efeito turbilhão, que por demais se assemelha ao rastro deixado na água por um barco. Este efeito é chamado de Karman Vortex, pois Karman foi um estudioso que deu continuidade as conclusões de Leonardo Da Vince sobre Vórtice. Depois de passar pelo gerador, os vórtices chegam ao Orifício Direcionador de Pressão onde agem sobre um Lâmina de Metal Espelhada. O metal passa a oscilar proporcionalmente a frequência de vórtices, esta frequência depende totalmente da velocidade do fluxo de ar. A oscilação do metal espelhado faz um LED acender alternadamente, a luz do LED é aplicada a um Photo Transistor que gera os sinais de saída para ECU. No entanto este tipo de sensor informa a ECU sinais de Onda Quadrada. O sinal enviado a central será de 0 ou 5volts.
Vale ressaltar que como o sinal é proporcional a frequência, que por sua vez é proporcional a velocidade do fluxo no coletor, a variação de 0 e 5volts é muito rápida, apenas um multímetro convencional não será capaz de ler essa tensão, o ideal é utilizar um Osciloscópio.
Em geral, a frequência em marcha-lenta é menos de 30hertz, mais a plena carga pode chegar a 160hertz.
Como o sensor com potenciômetro, este também possui um sensor de temperatura do ar combinado a ele.

Aplicações:

Sensor de Fluxo de Ar – Potenciômetro:

  • Ford Escort XR3 93′ e 94′;
  • VW Pointer GTi 93′ e 94′;
  • VW Gol GTi 88′ e 89′;
  • VW Santana Executivo;
  • Chevrolet Monza 500 E.F.;
  • Chevrolet Kadett GSi;

Sensor de Fluxo de Ar – Karman Vortex:

  • Toyota Supra 87′ a 92′;
  • Todos os motores da Lexus com exceção dos ES250 e ES300;
  • Modelos da Mitsubishi – 83′ a 90′.

Auto entusiasta, piloto virtual, técnico em Manutenção e Mecânica Automotiva, estudante de Engenharia Mecânica. Automobilista nato!

  • Pingback: Injeção Eletrônica: Saiba tudo sobre os Sensores de Fluxo de Ar – Final | Carros Infoco ()

  • tenho kadette gsi 2.0 1991/1992 ta enxarcando a vela preçiso sençor frur ar

  • sera que troca o frux ar da çerto ja me falarao para passar ele a carburrador oke axa da çerto fica bom

    • Estou impressionado com seu nível analfabético! No entanto, não sei o que pode ser mais incrível, ter conseguido usar um computador para fazer a pergunta ou ter escrito de forma correta a palavra “que”.

  • fernando candido

    Amigo, tenho um monza classic se 91 e palheta do medidor esta agarrando e fazendo um pequeno barulho como se estivesse arranhando…limpei com limpa contato eletronico, resolveu..mais permaneceu agarrando…
    Poderia me ajudar com alguma dica.

  • Leonardo Wormsbecker

    Obrigado pelas explicações estou me atualizando com você continue assim um abraço.

  • tenho um escort xr3 93 ele esta apagando e para funcionar somente tirando os fios do sensor de fluxo de ar tambem falha muito e nao sobe a rotaçao trocando o sensor sera que melhora?

  • Boa tarde comprei um fluxo de ar do scort xr3 94 para colocar em um kadett gsi ele vai funcionar? ou tenho que mudar alguma coisa.. att leonardo castro

    • Se o componente for intercambiáveis entre os dois modelos(XR3 e GSi) sim. Se não, não.
      Mas, caso queira insistir, você pode adaptar. Entretanto, nesse caso é complicado, é necessário saber as especificações do sensor.

  • carlos antonio de cassia lopes

    Tenho Monza Classic 91 SE. As vezes ele corta o combustivel e morre e para funcionar é preciso soltar o conector do fluxo de ar , mante-lo funcionando por alguns segundos e voltar a conectar o cabo. Por favor me ajude a resolver este problema? estou perdido.

    • Verifique se o coletor de admissão está integro, verifique as juntas do coletor também, em busca de alguma entrada falsa de ar.

    • Em um Santana quando aconteceu isso, era problema na ECU, tive que mandar num especialista que arrumo. O problema não é no fluxo de ar…. é apenas uma maneira de “enganar o sistema”.

  • Nilson Moreira

    Rua: rulan n;111 casa 1 comendadores Soares
    Nova Iguaçu RJ

  • Olá , sobre o medidor de massa de ar posso substituir o Vaf (potenciômetro omega 3.0 , 2.0 … ) por um Maf ou Map ?

  • Como ligar corretamente os fios no sensor de fluxo de ar do aud a3. 1.6. 2001. 4pinos. Está sem a tomada uero locar a tomada nova

    • Caro Douglas, não sei te dizer essa informação. Procure no google ou em fóruns especializados, talvez você encontre o esquema elétrico do veículo, que informa o que é cada pino do conector.

Your Turn To Talk

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instagram