Injeção Eletrônica: Por dentro do Sensor de Temperatura do Motor

cts0

Crédito foto: http://www.nextdayauto.com/

“Informar a temperatura do motor”. Esse é o pensamento que passa pela cabeça de muitos profissionais da reparação automotiva. Muito além do que informar a temperatura do Fluído de Arrefecimento no painel do veículo, o Sensor de Temperatura(CTS – Coolant Temperature Sensor) fornece para a ECU uma informação fundamental para a mesma executar diversas estratégias de funcionamento do motor. Em geral, localiza-se no cabeçote, a parte mais quente motor. Com sua ponta resistiva em contato com o fluído de arrefecimento, o sensor reage às alterações de temperatura do fluído variando sua resistência, logo a tensão de saída para ECU também varia.

Circuito e Funcionamento do Sensor:

cts1Simples, o circuito é composto basicamente de dois resistores ligados em série, onde um encontra-se alojado dentro da ECU e possui valor de resistência fixa, o outro é o próprio sensor, que neste caso é variável. Vale ressaltar que o sensor de temperatura é um Termistor do tipo NTC – Negative Temperature Coeficient. O circuito então, é um divisor de tensão, no qual a ECU enviará um sinal de referência de 5volts, e irá mensurar através do resistor fixo – ao invés de diretamente no sensor – a diferença de tensão entre as duas resistências. O valor retornado a ECU deve estar entre 0 e 5volts, nunca nos extremos, o que representaria alguma anomalia, logo um código de falha na ECU.
Quando o fluído de arrefecimento está frio a resistência do sensor aumenta, com o funcionamento do motor essa temperatura sobe consideravelmente, logo a resistência do sensor irá decrescer. No entanto, em termos de valores esse fenômeno não é proporcional, ou seja, se a temperatura caí pela metade, não quer dizer que a resistência do sensor irá aumentar na mesma proporção.
A pinagem do CTS é geralmente duas, um deles é o sinal de saída do sensor para ECU e o outro é o aterramento do sensor, que na maioria dos casos é feito na própria ECU. A casos em que o sensor possui aterramento na própria carcaça, contando então com apenas um fio.

Estratégias com base no sinal do CTS:

 

cts2A falta da informação do CTS não chega a impedir o motor de funcionar, pois a ECU quando detecta a falta da mesma passa a utilizar outro mapeamento, estabelecendo um valor para a temperatura. Contudo, o tempo de injeção e o controle de Nox – Óxido de Nitrogênio – emitido pelo motor ficaram comprometidos, consequentemente o funcionamento do motor não será o mesmo, passará a consumir mais e sem boa performance.

Funcionamento do motor à frio:
É o momento mais crítico do motor, as paredes do coletor estão frias, o que faz com que o combustível condense no coletor causando grandes perdas. Além disso o motor precisa alcançar a temperatura ideal de funcionamento.
Por isso, a ECU com a informação do sensor, promove o enriquecimento da mistura, o tempo de injeção é aumentado, até que o motor atinja sua temperatura ideal e então, a ECU passará a utilizar outro mapa de injeção.

Controle da recirculação dos gases de escape:
É o reaproveitamento dos gases de escape, o objetivo é reduzir a temperatura de pico da combustão, e com isso reduzir as emissões de Nox. Trata-se de uma válvula que libera a passagem dos gases de escape para serem reaproveitados na combustão, o momento em que a válvula abre é definido pela ECU de acordo com a informação enviada pelo sensor de temperatura. Com o motor frio, a ECU enriquece a mistura visando o rápido aquecimento do motor, neste caso o Nox emitido é baixo, e a válvula permanece fechada. A sua ativação depende do ponto de funcionamento do motor.

Substituição ao Sensor de Temperatura do Ar:
Nos posts sobre os sensor de pressão e massa de ar, você viu que estes sensores possuem sensores de temperatura do ar admitido, porém quando o sistema não o possui o sensor de temperatura e que faz essa função.
A ECU simplesmente no momento em que se gira a chave e alimenta o sistema, já recebe o primeiro sinal do sensor de temperatura e define como temperatura do ar admitido – sendo em uma partida a frio.

Controle do Eletro-Ventilador de Arrefecimento:
O antigo cebolão, nada mais era que um interruptor térmico, componente dispensado atualmente em virtude da informação enviada a ECU. A partir dessa informação a ECU determina a acionamento ou não do eletro-ventilador.

Essas são as principais estratégias de controle que a ECU executa seguindo as informações do sensor de temperatura, mas dependendo do projeto, outras estratégias são admitidas como, tempo de troca de marcha em transmissões automáticas e no funcionamento do comando variável de válvulas.

Mau funcionamento do sensor:

cts3A tensão de saída do CTS sempre será entre 0 e 5volts, a ECU gravará um código de falha sempre que o sensor enviar um dos valores extremos, porém, caso o sensor esteja defeituoso a ECU receberá sinais incorretos durante todo o funcionamento do motor sem que algum código de falha seja registrado, causando perca de eficiência e em alguns casos sobreaquecimento.

 

 

 

Auto entusiasta, piloto virtual, técnico em Manutenção e Mecânica Automotiva, estudante de Engenharia Mecânica. Automobilista nato!

  • Pingback: Guia CARROS INFOCO de Injeção Eletrônica | Carros Infoco ()

  • Tenho um gol G5 2010-2011 1.0 total flex. Acendeu primeiramente a luz EPC e após algum tempo também a luz indicadora do sistema de emissões do escapamento (OBD). Reparador de confiança “escaneou” e deu, segundo ele, defeito na sonda lambda. Na troca, (como moro em cidade pequena tive de encomendar), foi colocada sonda universal LS07 – 0 258 986 507(Bosch) e tb trocou-se jogo de velas e cabos de vela. As velas foram colocadas F5 DPP302(Bosch) e o jogo de cabos tb da marca Bosch. Só que as luzes continuam acesas e o carro gasta muito combustível e o motor perde rendimento( chega em certa velocidade 60-70Km/h ele não acelera mais). De repente ele fica bom e logo volta a apresentar o problema. Pesquisando descobri que a sonda lambda original do G5 1.0 2011 é a 0 258 986 602 planar e as velas F5DPP202, ambas da Bosch. Será por isto que luz EPC e OBD continuam acesas indicando que ainda há problemas com o carro?

    • Olá Carlos,
      Tenho um Tiguan 2011 que apresenta o mesmo problema, ja troquei tudo e não resolve. Você conseguiu solucinar seu problema?

  • Francisco Estéferson Alves Ferreira

    Tenho um VW Gol Especial 1.0 2001 8v. Estou com dificuldade de ligá-lo pela manhã, tenho que bater na chave 5 ou 6 vezes pra ele funcionar, e quando funciona demora a ter força pra manter o motor estabilizado. Isso acontece somente pela manhã, gostaria de uma opinião sobre o caso.
    Será que é algum sensor que não está mandando informação necessária pra central?
    Qual pode ser o problema?
    Grato desde já!

    • Bom dia Francisco, tive esse problema com meu gol, é foi bem simples de resolver. Dei uma olhada no manual e vi que existe um reservatório de gasolina para o sistema de partida a frio. Verifiquei no meu carro e vi que estava vazio, entao coloquei gasolina no reservatório e o problema acabou. No dia seguinte quando liguei o carro ele pegou na hora, desde então não tive mais problemas.

      Obs: Cuidado para não derramar combustível fora do reservatório. Caso ocorra, feche a tampa e jogue aguá por cima.

  • Boa Noite,estou com um serio problema no fiesta sedan com superaquecimento,pois já foram revisados bomba d’agua,ventoinha,valvúla termostatica,tirado ar do motor,verificação das mangueiras e a retifica do cabeçote.E nada adiantou continua o mesmo problema.O que será?

  • herbert solino

    ola sou proprietario de um golg5 2011 e meu motor comecou a esquenter notei que a temperatura nao subia…..abrir o capo e notei que o sensor de temperatura estava solto
    coloco agua e a agua sai por um buraco emfrente a ventoinha
    oqe faco

  • Igor Leonardo

    Estou com um sério problema no meu corsa 1.4 econoflex,pois o mesmo nos horários de muito calor(12:00) com o ar ligado o mesmo da uma falha(vibração) e desliga o eletroventilador e a temperatura vai subindo e se eu manter o ar ligado a temperatura sobe cada vez mais e desligando o botão do ar o eletroventilador liga e volta a resfriar o carro.
    Já troquei o eletroventilador com resistência e o problema persiste e mesmo sendo novos o eletroventilador vai direto pra velocidade de 2° estágio.
    Passei o scanner e apareceu um problema no relé,limpeza da tbi e dos bicos
    Fiz a limpeza mais e resetei a central,mais não troquei o relé e o problema persiste
    Preciso de ajuda

  • antonio ernandes

    tenho um polo 2010,toda vez que ando uns km ,quando paro ,ai vou dar a partida,não pega nem a pau so depois que esfria e que pega,o que ser.

  • Estou com problema tenho voyage1.0 2013 a temperatura dele quando chega 90 graus ela cai e aceleração oscila o que pode ser

  • Ola. estou com um problema em um gol motor ap 1.6 flex ano 2003 (acredito ser o primeiro flex da linha), quando dou partida no carro o bico injetor do primeiro cilindro (o mais próximo da bobina) não trabalha (foi testado faisca no cabo de vela e as velas, sao novos), o carro fica com falhas, apos uns 15 min aprox. (variável, as vezes com 2 min resolve, as vezes demora uns 30 min) volta ao normal, sem falhas, o que me deixa com a cabeça mais quente é que não importa se o motor esta quente ou frio, alguem pode me ajudar?

  • O meu s80.2.9 de 1998 parou de marcar a temperatura o ar condicionado e motor custa pegar trabalha a tremura .o q sera q ta se passar???? Por favor.

    • Sinceramente, não sei. Os problemas que você sitou podem, nem, estar ligados entre si… Acho mais adequado tomar isso como dois modos de falha, e analisa-los separadamente. Então, partindo para o motor, podemos começar verificando a parte de ignição e de alimentação de combustível. Com relação a informação de temperatura, verificar o chicote dos sensores respectivos e o próprio sensor, este último, caso você possua o manual de reparação do veículo, você pode medir a resistência do sensor enquanto o motor está trabalhando. Com o multímetro ligado ao sensor, e um pirômetro apontado para o cabeçote. E comparando os valores de temperatura do pirômetro com os de resistência do sensor de temperatura.

  • claudiano o. silva

    Galera tenho uma bmw 96 E36 328 i automática com 120 mil km rodado, e o cambio está entrando em modo de emergência, o curioso que isso so acontece quando ando (DEVAGAR) Quando ligo ela é mando ver (NA ALTA), rapido e usando o kick down não dá nada e um canhão pra andar!!! Passei o aparelho e está acusando o código 98 (CAN engine intervention) já troquei o chicote do comando do câmbio que me falaram que era o problema, e não resolveu!!! Alguém pode me dar uma luz???

    • Uau! Que problemão você tem na mão ein ? Mas vamos lá, chicotes só prejudicariam o sistema de controle do cambio se estivessem com algum problema, como, curto-circuito ou fiação partida, se trocou e não resolveu, é por que não havia problema algum. Leve seu carro em um especialista em câmbios automáticos para fazer um diagnóstico preciso. Mas, a minha opinião, é que uma das eletroválvulas do seu câmbio devem estar entrando em curto-circuito…

  • boas,
    tenho um alfa romeo 166 v6 TB a gasolina, quando a temperatura exterior é baixa ( nesta altura do ano +/- 7º ) quando tiro o carro da garagem e ando cerca de 8 km ( sem nenhum transito ás 6:30h o carro ainda não passou dos 50º de aquecimento do motor a ventoinha de arrefecimento liga no maximo e acende a luz de erro, para desligar a ventoinha tenho que desligar e ligar novamente a igniçao, depois de andar mais 10 km a luz de erro continua ligada. á noite quando faço o sentido inverso do percurso ligo o carro, a luz do erro continua ligado e quando percorro cerca de 5,6km ( com transito )a luz da temperatura passa dos 50º e a luz de erro desliga…..+/- aos 60º, já mudei o sensor de temperatura do liq, de refregiração 3 vezes,…a último foi pelo original mas o problema continua….o que será?

  • weslley bernardo da silva

    Bom dia amigo, Tenho um Honda LX. Motor 1.7, ano 2000/2001 – Eu troquei o sensor de temperatura do meu carro e sem querer apertei muito e ele perdeu o aperto, depois disso meu carro, fica com o ponteiro no meio, não chega a esquentar mas fica no meio, e consequentemente depois que ele esquenta ele fica morrendo, e antes de eu botar o sensor ele não ficava assim, morrendo, ai eu tirei o plug do sensor de novo, ai o carro fico com o funcionamento normal, Acho que por o sensor perder o aperto, o meu carro fico com mal funcionamento, mas é só quando ele tá conectado porque quando desconecto ele fica normal. tanto no gás quanto na gasolina. espero a resposta o mas rapido possivel meu amigo

  • Miguel Ribeiro

    Boa noite, Tenho um fiat punto 1200 16v de 99-11- a temperatura sobe o normal, quando chego a uma reta ou mesmo uma decida que não precise de puxar pelo carro, a temperatura começa a descer mesmo ate baixo… Após a decida de temperatura, liga a luz de injecção e liga a ventoinha… Levei a um mecânico para o diagnostico e acusou» sensor de temperatura de agua « mudei o sensor, mesmo assim a luz da injecção e a ventoinha liga, e da o mesmo erro no diagnostico… Aguardo resposta. obrigado

    • Miguel, antes de ter trocado o sensor, era interessante verificar como está o seu sistema de arrefecimento, válvula termostática e mangueiras. O problema não está no sensor, o sensor apenas acusou uma falha.

  • tenho um golf 95 1.8 ap … o sensor de temperatura esta oscilando muito ja troquei o sensor e dar no mesmo ja mandei pra um eletricista mas nada ainda ….

  • Minha montana qdo motor ta frio pega depois de andar alguns quilômetros se desligar não pega tenq esperar algumas horas

  • Marcus moreira

    Tenho uma kombi flex 2008/09 e toda vez que saio de manha ando ums 500mts a luz do aquecimento pisca ai paro o carro ela para, ai ando de novo ele pisca ai para, mais quando continuo a andar ela para e trabalho com ela o dia todo e nada de piscar nao da pra entender.

  • Boa noite.. Tenho um punto 1200 16v, e então o carro de vez em quando liga-me a luz da injeção e perde rotação, se apertar a embraiagem ele ate chega a desligar-se. fiz o diagnostico e acusou sensor de coletor… Mudei o sensor mas continua com os mesmos sintomas. Agradeço resposta

  • Ola. Tenho um fiesta hatch flex 2007 que vem apresentando dificuldades para ligar pela manhã. Já foi trocado vela cabo de vela e bobina. Quando esta frio ele demora uns 20 minutos pra pegar, ele da partida normal porem nao liga e quando liga o motor fica em baixa rotacao dando umas tremidas, apos esquentar ele anda normal.. Ja levei em varios mecanicos e nenhum descobre o que é e no scanner nao acusa nada.. Me ajude por favorrrr…

  • Bruno Giroto da Silva

    Ola boa noite. Tenho um astra 2007 esta apresentando um problema de aquecimento, o ponteiro passa do meio para acionar as ventoinhas, isso e normal.

  • Marlon Batista Vaz

    Oi, tenho um classic 09/10 motor vhce,
    Quando eu ligo ele as vezes fica a luz acessa da injeção as vezes não, mas tem dia que fica ligada o dia inteiro quando ando nele, e tem dias que ela fica ligando e apagando variação a cada 20 min, tem dia que ligo o carro e ela não permanece ligada, fica normal, o que Posso fazer pra fazer o correto reparo, pois não tenho um mecânico de confiança,

    • Marlon, você, não pode fazer muito se não possui tal nível de conhecimento mecânico. Entretanto, percebo que seu problema é intermitente, ora a luz acende, ora não. Procure no seu motor os sensores e seus conectores, comece verificando o estado deles, se estão mau encaixados, sujos em excesso ou úmidos, o problema pode ser algo bem simples.

  • Milton Cezar

    ola, tenho um palio ELX 1.4 08/09.
    quando estou andando com o veiculo em rodovias e ate mesmo em madrugadas frias com o veiculo na rodovia o ponteiro da temperatura sobe ate o meio e durante o percurso não esta marcando alteração alguma (não Abaixa) seria normal? pois ate pouco tempo não estava assim . O que pode ser?
    Obrigado pela atnção

  • Tai Belizário

    Olá , boa tarde. Tenho um ford ka 2008/09. Ele esquentou comigo no engarrafamento numa BR, chamei o guincho, após chegar em casa e já frio coloquei água e não vazou, ligou normal e ainda usei dois dias depois para ir trabalhar mas quando cheguei percebi que ele estava bastante quente. Não acende luz alguma informando nada, nem tão pouco algum ruído estranho. Chamei um mecânico de confiança para verificar e ele trocou a peça da temperatura. Após a troca acendeu uma luz no painel do motor. 🙁
    Ele pediu para que eu levasse no check up eletrônico para verificar o motivo. Pode ser somente a leitura do modulo que não ocorreu correta, ou outra coisa né? O carro anda normal, porém com a luz acesa. O que pode ser? :/

    • Tai, imagino que a “peça da temperatura” seja o sensor de temperatura… Bom, o sensor de temperatura pode estar detectando uma temperatura que não é normal. Em todo caso, além de fazer o que seu mecânico recomendou, sugiro uma análise completa do sistema de arrefecimento do seu Ford Ka. Veículo esquentando e depois voltando ao normal não é…normal.

  • Junio Campos

    Olá bom dia tenho g5 2011 temperatura não passa dos 90 mesmo ligado muito tempo e ventoinha nao liga quando aciono o ar condicionado aí sim ele liga o desligo e ela para não vejo ela armar em funcionamento normal q pode ser ?

  • Marco Santos

    Amigo, tenho um CIVIC 2004 que está em ótimo estado. No entanto há 3 ou 4 dias atrás começou a acender luz da injeção eletrônica e ao mesmo tempo parando de funcionar o ponteiro indicador de temperatura do motor. O carro ficou um pouco mais acelerado, mas continua funcionando normalmente. Pode ser o sensor de temperatura?
    Grande abraço e obrigado!!

  • MARIO LUIZ BORGA

    OLÁ BOA TARDE
    TENHO UMA FIAT IDEA 2012/2013 1.6 16 CARRO FAZ UM RUIDO NO MOTOR ATE CHEGAR NA TEMPERATURA CORRETA E QUANDO SOBE UMA LADEIRA PARECE BARULHO DO MOTOR FORA DO PONTO JÁ FOI PASSADO ESCANER NA CONCESSIONARIA FUI INFORMADO QUE É NORMAL APÓS CHEGAR NA TEPERATURA NORMAL CARRO FICA NORMAL SENDO QUE ESTE RUIDO NÃO APARECE COM O MOTOR NA LENTA

    • Mário, recomendo que você procure no manual do seu carro a informação, Torque Máximo. Nessa info, aparecerá a valor máximo que o seu motor consegue produzir, de torque. Aparecerá, também, em qual o Rotação (RPM) este torque está em seu máximo. Portanto, procure guiar o seu carro trocando de marcha perto da rotação de torque máximo, procure guiar sempre dentro do range de 1000 RPM até a rotação de torque máximo. Dessa forma você não coloca sobre o motor, cargas excessivas em rotações inadequadas. Os trelados que você escuta irão diminuir drasticamente, mas não totalmente. Outra coisa, caso você queira reduzir ainda mais (o que acho correto, pois esse barulho é devido a detonação, fenômeno altamente prejudicial ao motor), você pode adicionar um pouco de etanol a cada abastecimento de gasolina que você fizer, o carro vai consumir um pouco mais, mas por outro lado, vai resistir bem mais a compressão e detonar bem menos. O motor agradece e seu bolso…também, porém, a longo prazo.

  • Alfredo Luis Mondo

    tenho um golf 1.6sr 2001, nos ultimos 15 dias começou a apresentar falhas na injeçao, foram entao trocados todos os componentes,tanto eletronicos (bobina,cabos,velas e sonda lambida)e de combustivel (bomba,e filtro),ainda assim continuou apresentando a mesma falha,(estouros no coletor de admissao,muita falta de forsa (como se trabalhasse em tres cilindros,agora vejam so,quando desligado a conexão do sensor de temperatura e a mesma ligada a um sensor fora do seu local (ou seja totalmente frio,a falha desaparece,o motor trabalha redondinho na aceleraçao,na baixa apresenta falha e o mesmo fica o tempo todo entre mil e mil e quinhentos giros, mas anda normal sem os estouros no coletor,adivinha adivinhador o que poderia ser? na maquina nada acusa,podem me ajudar?, gratto Alfredo Curitiba PR.

  • Luiz Carços Jeronimo

    olá pessoal, tenho um Meriva 1.8 2009 e o mesmo ao passar dos 60km/h para de funcionar o marcador de temperatura. Já troquei o sensor e o problema persiste. Por favor me ajudem, nao sei mais o que fazer.

  • Luiz Fernando da Silva

    tenho um corsa 1.6 96 GLS comprei ele tem um mês, com uma semana ele apresentou a temperatura elevada chegando aos 100º e a junta do cabecote queimada, o mecânico levou o cabeçote para retifica e disse que a bomba d água não estava boa e tinha que troca, por desencargo comprei também a válvula termostatica o sensor que vai no cabeçote e o sensor que vai para o painel, mandei fazer a limpeza do radiador, o meu problema não foi resolvido no painel ele chega a 100 º, mais a ventuinha dispara e desliga normalmente o motor não demostra estar na temperatura que diz no painel, o que pode ser ? e o meu corsa tem o computador de bordo tid quando apertado os dois botão ele faz uma varredura no modulo e em seguida aparece um erro f 171 procurei saber esse erro e de temperatura elevada o que pode ser ?

  • Rafael Sabino

    Bom dia,tenho um jetta tsi 2.0 e passei o scaner e acusou sensor de aquecimento.
    o que pode ser?

  • ola boa noite amigo, eu tenho um fiesta 2004 zetec rocam completo, e o que aconteceu foi o seguinte, deu vazamento de água pela carcaça válvula termostática, tudo bem fui ao mecânico e ele trocou a válvula e também trocou o sensor da válvula (sensor de temperatura), ai o carro começou a mostrar no painel que a temperatura esta alta, levei a outro mecânico e ele observou que o motor esta com a temperatura normal no que no painel marca que esta alta muito alta, troquei novamente o sensor achando eu que o mesmo esta ruim, foi colocado um novo e o mesmo problema, no painel marcar que a temperatura esta alta so que ao tocar no motor a temperatura esta muito aluta.

    meu email: jiovenaze115@gmail.com

  • Boa noite, tenho um VW voyage g5 e a uns 2 meses ele ferveu na pista e o marcador de temperatura não indicou temperatura alta, tive que mandar o cabeçote pra retifica e depois que o mecânico montou ele morre sempre que chega a temperatura ideal de trabalho (o que o marcador mostra) e quando arma a ventoinha, sendo que isso só acontece em marcha lenta, quando ligo o ar e ventoinha liga se o carro tiver frio ainda ele não morre, tbm sinto ele mais fraco que antes da retifica, o que pode ser? Já testei o sensor de temperatura com um multímetro, a resistência e a tensão estão de acordo com uma tabela que vi do sensor de temperatura, sendo que o chicote derreteu e o mecânico usou outro fio no lugar mas msm assim fiz testes de continuidade no chicote e não apresentou resistência. Não sei o que fazer. Me ajude por favor!

  • Boa tarde, tenho um Fox 1.6 2014 e o ponteiro da temperatura quando estou em velocidade na descida, o ponteiro da temperatura abaixa dos 90 graus, já levei no mecanico e trocou a termostática e o sensor da temperatura, mas o carro continua abaixando a temperatura, alguém poderia me ajudar a solucionar esse problema ?

  • Flávio soares pinto

    Tenho um peugeot 206 1.4 quando ligo o carro o marcador da temperatura sob direto para o máximo,já troquei o sensor da temperatura e a válvula termostática e não resolveu meu problema. O poderia ser

  • Rodrigo pereira da silva

    Boa noite. Tenho um polo 2004 quando ele esta em 90 graus ele começa a falha “ratiar” chega ate a apagar ja troquei bomba de combustivel. Cabos de vela mas ainda fica cortando tem horas q nem fonciona.ja passamos escanier mas nao acuso nada. Oq devo fazer

  • Boa noite tenho um golf 2001…. Quando esta frio pega numa boa… Mais e so esquentar e eu desligo ele e quando tento. Ligar ele n pega.. O motor gira mais n pega… Ai tenho que esperar a esfriar pra pegar novamente… Ja troquei bobina.. Cabo de velas..filtro de combustível e filtro. .. Limpeza de bico etc..alguém sabe dizer se pode ser sensor de temperatura ou sensor de rotaçao?

  • Ricardo Sousa

    boa tarde, tenho um gol 2002 1.0 16v e ele frio funciona normalmente atingindo 90º a bomba de agua esquenta e ele perde toda força, e em marcha lenta morre, poderia me dizer se é o sensor de temperatura ou algum outro problema?

  • Olá bom dia,
    Tenho um gol 1.6 power 2008, que apresentou problemas após a troca de cabos e velas, troca de bicos novos e uma desobstrução da orifício onde passa o ar do motor, Após todo este procedimento, o carro começou a apresentar falhas no motor quando o mesmo está frio, e aí, quando dou a partida fica normal, mas quando engato a primeira para sair e acelero o motor começa a falhar querendo engasgar, e ai o motor morre, saberia me dizer alguma coisa sobre este problema? OBS: foi trocado também a bomba de combustível, é nova e original, por favor, pode me ajudar?

  • fabio da silva

    ola meu nome e fabio, tenho uma spacefox 2008/2009 ela esta com um problema que nao consigo ninguem para arrumar, no transito ela super aquece no painel mostra ate o topo que esquentou legal, porem nao aquece o motor nao da problema nenhum no motor, sera se pode ser o painel, ou algum sensor, ja troquei a termotatica bomba da agua e nada

Your Turn To Talk

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instagram