Guia CARROS INFOCO de Injeção Eletrônica

guiacifieUma breve história:

Quando falamos de injeção eletrônica lembramos logo do nostálgico Gol GTI de 1989, o primeiro carro brasileiro a utilizar um sistema de injeção eletrônica de combustível.

O Brasil demorou para receber seu primeiro motor “injetado”, pois em 1957 era apresentado o primeiro carro com injeção eletrônica, o AMC Rambler Rebel com motor de 5.4 litros controlado pelo sistema Electrojector, mas foi 1958 com os modelos Chrisler 300D, Dodge 500D, Plymouth Fury e o DeSoto Adventurer, também equipados com a Electrojector; que a injeção eletrônica equipou modelos de produção seriada.

Contudo o sistema Electrojector não vingou e suas patentes acabaram sendo vendidas para a Bosch, que atualmente é uma das principais marcas de componentes e sistema eletrônicos automotivos.Confira como funciona este complexo sistema que revolucionou os motores de combustão interna:

– Sensor MAP;
– Sensor de Fluxo de Ar – Parte 1;
– Sensor de Fluxo de Ar – Final;
– Sensor de Posição da Borboleta de Aceleração;
– Sensor de Temperatura;
– Sensor de Detonação;
– Sensor de Fase;
– Sensor de Rotação;
– Sensor de Oxigênio.

CARROS INFOCO – Literatura técnica automotiva 


Auto entusiasta, piloto virtual, técnico em Manutenção e Mecânica Automotiva, estudante de Engenharia Mecânica. Automobilista nato!

Your Turn To Talk

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Instagram